Inês minor<<

Inês Minor. 1998. Mora. Actriz, encenadora, produtora, artista, feminista, respigadora dos momentos peculiares.

Estudou Teatro na Escola Superior de Artes e Design de Caldas da Rainha. Começou o seu percurso profissional na companhia Teatro do Vestido com os espetáculos “Era Uma vez um país assim” (2019) e “Ocupação” (2019). Trabalhou e aprendeu com Guilherme Mendonça, Diogo Dória, Raquel André, Guillermo Heras, Joana Craveiro e Miguel Castro Caldas.
Interessa-se pela procura de memórias e do seu passado, criando o espetáculo “Reforma Agrária: histórias de uma revolução silenciada” (2019). Participa no Festival Fólio – Festival Literário Internacional de Óbidos, com uma peça que parte do medo e das questões climatéricas, “Pintei naquela parede branca o meu medo de azul” (2019).
Estreou-se no Teatro Nacional D. Maria II e no Teatro Viriato com o espetáculo “Juventude Inquieta” de Joana Craveiro/ Teatro do Vestido, em 2021.
Neste momento, trabalha com a companhia Lendias d’Encantar como assistente de produção e atriz, fazendo parte do espetáculo QUARTETO DA ALBA 2.0 encenado pelo dramaturgo espanhol Carlos Gil Zamora.